terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Rebanho morre após vacina em São Gabriel/RS

08/02 
Suspeita é que 43 bovinos tenham sido vítimas do carbúnculo

Quarenta e três cabeças de gado morreram na última segunda-feira até 30 minutos após a aplicação de vacina contra carbúnculo hemático na propriedade de Darci Langbecker, na localidade de Piray, em São Gabriel. Segundo o veterinário da IVZ do município Alamir Lisboa Melo, que realizou a necrópsia e coletou amostras, é possível que tenha ocorrido alguma reação durante a imunização, causando uma espécie de efeito reverso. Todos os sintomas, garante ele, indicam para a doença: sangue não coagulado em orifícios, evolução superaguda e inchaço no abdômen. Comum na região, a doença infecciosa também pode ser contraída por equinos, ovinos, suínos e humanos. A bactéria Bacillus anthracis produz esporos que permanecem por anos no solo, causando a transmissão pelo contato com feridas ou ingestão de pasto, por exemplo.

Ontem, os animais mortos foram colocados em uma vala e incinerados. Conforme Melo, este é o procedimento padrão para evitar disseminação. Hoje, as amostras de sangue e das vacinas serão enviadas ao laboratório da Universidade Federal de Santa Maria para análise e confirmação do diagnóstico. O presidente do Sindicato Rural de São Gabriel, Tasso Teixeira, espera que os resultados sejam liberados o mais rápido possível para evitar novos casos, já que o rebanho está em plena vacinação.

FONTE: citado por Agrolink - Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário